nome blog

O Erro - Elle Kennedy

20 de setembro de 2016


O new adult é o gênero que tem feito minha cabeça há alguns anos. Mesmo com  histórias que seguem um padrão comum, eles sempre me prendem fazendo com que eu leia 50 vezes mais rápido e termine o livro em horas. Até que recentemente veio Elle Kennedy e BAM! Trazendo uma escrita muito envolvente e rápida, cheia de humor em O acordo, eu soube na hora que iria ler todos os livros publicados por ela. E a resenha de hoje é do segundo livro da série Off-Campus - Amores improváveis que conta a história de Logan, um jogador de hóquei capaz de se jogar nas festas da universidade e ficar com várias meninas, mas que também esconde segredos.


SINOPSE: Logan parece viver uma vida de sonhos. Com um talento incrível para jogar hóquei e um charme inato para conquistar mulheres, ele é uma das maiores estrelas da universidade de Briar. Mas por trás do característico sorriso maroto, ele esconde duas grandes angustias: a primeira, estar apaixonado pela namorada de seu melhor amigo. A segunda, saber que sua vida, após a formatura, se tornará um beco sem saída. Um dia, por acaso, ele conhece Grace, uma garota tão encantadora quanto intrigante. Tudo nela parece ser original e deliciosamente contraditório: tímida, mas ao mesmo tempo vibrante. Doce, mas ao mesmo tempo forte e confiante. A cada encontro, Logan se vê mais e mais envolvido. Mas um grande erro colocará o relacionamento desses dois jovens em risco. Agora, Logan terá que se esforçar para reconquistar Grace - nem que para isso ele precise amadurecer e encarar de frente as suas questões mais profundas e doloridas. 



LIVRO: O erro | SÉRIE: Off-Campus - Amores Improváveis | AUTOR: Elle Kennedy | ANO: 2016 | EDITORA: Paralela | PÁGINAS: 248 | NOTA: 5/5

Grace é uma garota inteligente e nem um pouco boba. Ela está prestes a terminar seu primeiro ano da faculdade, um que passou a sombra de sua amiga Ramona, e que não a fez perder sua virgindade. Ela sabe muito bem o que quer da vida e vê em Logan a possibilidade de resolver esse problema. No entanto, Logan rejeita a menina na hora H por estar apaixonado pela namorada de seu melhor amigo, algo que ele só percebe mais adiante ser um equívoco. Na verdade o que ele idealiza é o relacionamento a dois que eles tem. Quando se toca, já é tarde de mais pois a caloura está decidida a não olhar mais em sua cara. Percebendo que o nível de sentimento dos dois já havia crescido e que Logan não desistiria tão cedo, Grace lhe propõe um desafio: ele deve cumprir uma lista das coisas românticas mais idiotas para só então ele poder convidá-la para um encontro.
" - Eu não estou mesmo convencida de que você realmente gosta de mim, Logan. Essa coisa toda parece que está centrada no seu ego. A única razão que você sequer me viu novamente depois da primeira noite foi porque você não poderia lidar com eu não ter tido um orgasmo. E na festa, quando você descobriu que eu estava em um encontro com outra pessoa, era como se tivesse encontrado sua maneira de marcar território ou alguma merda assim. Suas ações gritam para mim, e isso não são sentimentos genuínos é só seu ego. " 

Novamente, assim como o primeiro, este livro me arrancou boas risadas. As conversas entre os integrantes do time de hóquei são sempre hilárias, não importa o quanto de sensibilidade e seriedade isso demande. Logan sofre com o problema de alcoolismo do pai e vê seus sonhos indo embora devido a um trato feito com o irmão. Aos poucos ele vai se abrindo para Grace e contando segredos que nem mesmo seus melhores amigos sabiam, e ela o ajuda a diminuir a dor que sente. O jogador vai contra os esteriótipos (tanto os da vida real, quanto de outros livros new adults) - ele tem um coração enorme e sensível, chora e idealiza o amor. Ao contrário de outros livros desse gênero, por mais que o pai sofra com o problema do álcool, John Logan não recebe essa herança, ele se mantém longe da bebida com medo que se torne como o pai. Ou seja, ponto para Elle por trazer ao gênero conhecido pela tríade virgem-pegador-muita bebida tamanha desconstrução. 

Já estou ansiosa pelo próximo e infelizmente último volume :( "The Score" - sem tradução para o português até o momento - que contará a história do hilário e arrogante Dean. 







8 comentários:

  1. Olá, já tinha ouvido falar no livro mais ainda não li, fiquei curiosa para conhecer a história.

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila, esse livro é muito bom, recomendo muito ❤ um abraço!

      Excluir
  2. Olá!!
    Eu amei muito o primeiro volume, achei mega divertido, mas ainda não tive oportunidade de dar continuidade! Espero gostar <3
    O Logan parece ser um personagem bem engraçado e decidido, hein? Hahah. Tenho certeza que vou gostar da Grace também.
    Adorei a resenha!

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os livros da Elle tem se mostrado muito engraçados hahahaha o Logan é um amorzinho, impossível não gostar

      Excluir
  3. Gostei da resenha, despertou meu interesse pela história!
    Beijos linda
    www.desencana.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, obrigada ❤ espero que você possa lê-lo, é muuuito bom!

      Excluir
  4. Só não entendi pq new adult, mas fora isso adorei o enredo da história fiquei curiosa para ler, não conhecia a história e gostei bastante da sua resenha.

    Beijinhos :*
    http://www.eraoutravez.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São esses livros que falam do início da vida adulta, universidade, esse período de transição e descobertas hahaha É muito bom, recomendo muito Pam

      Excluir