nome blog

Bienal do Livro de São Paulo

6 de setembro de 2016

Olá queridos, tudo bem com vocês? Durante 10 dias, o Pavilhão de exposições do Anhembi recebeu a maior feira literária do Brasil, a 24ª edição da Bienal do Livro de São Paulo. Durante todos esses dias, o evento contou com a presença de escritores nacionais e internacionais, youtubers, blogeiros, booktubers, artistas, famosos da mídia e muito mais. Segundo o site oficial, a Bienal é palco para cerca de 480 marcas que apresentam ao público seus lançamentos e produtos do mundo literários para aproximadamente 700 mil visitantes em um espaço de 60 mil m². A primeira feira ocorreu em 1951, criada pela CLB e realizada na praça da República. Hoje, ela acontece a cada dois anos em São Paulo alternando com o Rio de Janeiro.

Fonte: Barbara Rios

Neste ano, tive o prazer de visitar e realizar meu sonho no dia 27 de agosto. Valeu cada centavo da entrada e as horas de viagem para sair do interior e ir para a grande São Paulo. Ir para a Bienal é sinônimo de enfrentar multidões, chegar em casa com as pernas doendo, ficar sem voz de tanto gritar e falida depois de comprar tanto livro. Foi uma emoção atrás da outra, e neste post venho compartilhar a minha experiência com vocês. Bora lá?

A Entrada:

Quando botei o pé para fora da van levei o maior susto, Era muita gente. MUITA GENTE MESMO! A fila para comprar o ingresso estava imensa - e era apenas 10 horas da manhã - mas como uma pessoa prevenida, comprei os ingressos online o que nos poupou um bom tempo de fila. Uma vez lá, pareceu que estava nas nuvens. O espaço é enorme, e para todo o lugar que olhava tinha livros e uma multidão de gente. O passeio que durou cerca de 8 horas, pareceu ter durado apenas duas, aquele lugar é emocionante.

Os eventos:

Além que conferir vários livros de promoção e os lançamentos, pude ter contato com alguns escritores. Pude conhecer uma autora nacional que vem ganhando muito destaque e que inclusive ganhou prêmios de livro do ano da Amazon e vem crescendo mais e mais. A FML Peper é um amor de pessoa e bateu um papo com a gente sobre a felicidade e realização que tem para com sua trilogia Não Pare, Não olhe, Não Fuja.
Fonte: Bárbara Rios

Acompanhei também a palestra da fofa da Jennifer Niven. Me apaioxonei mais ainda depois de ouvir um pouco mais sobre a construção da história de Por Lugares Incríveis. Em seu espaço, intitulado "Precisamos falar com os jovens sobre depressão e suicídio" a autora contou sobre a inspiração que teve para Finch, um rapaz que tinha problemas psiquiátricos pelo qual ela se apaixonou. Ela comentou sobre a adaptação para o filme, na qual ela está trabalhando junto com os roteiristas, e disse que sempre imaginou Elle Faning como Violet <3

Fonte: Editora Seguinte


Fonte: Bárbara Rios

Ah e passando pelo stand da Intrínseca, conheci a moça que faz os snaps deles hahaha

Os stands:

Era um mais lindo que o outro. A Galera Record fez um todo tecnológico exibindo as capas dos seus principais sucessos. Os paineis da Intrínseca estavam um amorzão, o da Jojo Moyes estava maravilhoso. O stand da Companhia das Letras reuniu todos os selos da editora e estava incrível. A Panini tinha um painel SENSACIONAL dos herois da DC Comics, não tinha uma pessoa que não quisesse tirar foto nele. Os que mais chamaram atenção foram o da Rocco e da Saraiva. O da Saraiva foi o maior de todos os tempos, dividido em dois setores e cheio de livros! O da Rocco tinha uma representação da plataforma 9 3/4 de Harry Potter aberta para os fãs tirarem fotos.

Fonte: Bárbara Rios

Fonte: Bárbara Rios
Os preços:

Esse ano não é um dos melhores economicamente falando para o Brasil. E esse problema afetou a Bienal também. Os stands das editoras não estavam com grandes promoções. A maioria, com preços comuns ou até mais caros que pela internet. Junto a isso, vários sites fizeram mega promoções durante o primeiro fim de semana da feira, o que decepcionou um pouco na hora de comprar lá. A comida também é cara. Então, ou você prepara o bolso ou tenta economizar ao máximo. No meu caso, poupei dinheiro de lanche levando o meu próprio de casa para poder investir nos livros. Por outro lado, tem muuuuuuuito stand de R$5 e R$10. Eles são muito bons, e a galera que foi comigo e que está se preparando para o vestibular ficou louca nesses lugares.

Dicas:


Se você pretende ir a Bienal do Rio de Janeiro ano que vem, aqui vai algumas dicas que eu usei:
  • Opte por comprar os ingressos pela internet. Em SP eles ofereciam descontos para grandes quantidades de ingresso, além de claro, te poupar um bom tempo de fila;
  • Faça uma relação dos livros que pretende comprar e seus valores na internet. Se pretende economizar esse pode ser um método importante;
  • LEVE ÁGUA! Gente, no meio do evento não tinha água nos bebedouros e, como sempre, as águas ficam superfaturadas em eventos como esse;
  • Você pode economizar bastante levando seu próprio lanche;
  • A mochila pode ser sua melhor amiga. Alguns stands dão ecobags e sacolas, mas outros dão sacolas fraquinhas que não aguentam os livros hahahaha.
  • Cartão vs Dinheiro. Infelizmente nem todos os lugares aceitam cartão, então ir com uma reserva de dinheiro é indispensável.
A Bienal é um evento de sensação única e fora do normal que te dá vontade de ir todos os dias. Voltei com novos livros, novas histórias, um mundo de marcadores e muito amor no coração. Me apaixonei por cada segundo e cada experiência que vivi lá. Espero que tenham gostado do post e do evento. Para aqueles que não puderam ir, não se preocupe, muitas edições estão por vir e essa é uma experiência que recomendo a todos. Espero poder ir nos próximos anos e reviver todas as emoções <3

10 comentários:

  1. Você foi na Bienal, que legal!
    Acredito que para todos nós amantes da leitura deve ser um máximo comparecer e apreciar esse evento! Tenho a maior vontade de ir, mas por morar em outro estado fica difícil para o meu lado, quem sabe um dia, né?
    Gostei das dicas! Creio que o mais importante seja levar uma comidinha na bolsa e água, porque nesses eventos deve ser tudo o olho da cara.

    http://sonhandoatravesdepalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thainá. Você falou e disse! É uma sensação única para um leitor e ainda estou sonhando com aquele lugar HAHAHA Oxe, e são mesmo! Tudo é uma fortuna, e o que você economiza na comida pode investir em mais livros ;)

      Excluir
  2. Todo mundo tá falando muuuito bem. Que pena que eu moro longe, kkk. Mas um dia eu vou.

    www.3dimensoes.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karlyson, poxa espero mesmo que você vá um dia, é uma experiência que recomendo para todo mundo. Um abraço!

      Excluir
  3. Que delícia que você gostou da Bienal e saiu com uma boa impressão. É isso mesmo, uma multidão. hahaha Sorte que você não pegou o ano que teve Cassandra Clare, kiera Cass, Harlan Coben, Isabela Freitas, Thalita Rebouças, tudo num mesmo dia. Sim, pensei que eu fosse morrer pisoteada kkkkkkkkkkkk mas valeu MUITO à pena e faria de novo, sério hahahaha

    Jennifer Niven é um doce não é? Nossa, conversei um pouquinho com ela e que mulher maravilhosa. Não fui esse ano pra Bienal mas ela veio na minha cidade, junto com a Ava Dellaire, pela Seguinte. Duas fofas. Nem tinha lido os livros ainda kkkkkkkkkkk.. mas só pelo modo como elas me trataram e trataram todos presentes, já fica uma outra impressão. E sim, já peguei escritor que eu AMAVA e mal olhou na minha cara, que eu fiquei super besta e muito triste (cof cof Julia Quinn cof cof).

    Espero te ver ano que vem no Rio, que eu irei (Deus queira, hahahaha). Dizem que é ainda melhor que a de São Paulo por ser mais organizada. Vamos ver hahaha

    Um beijo
    http://www.mayaquaresma.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. NOOOOSSA que loucura ein menina! Imagino pelo que você passou viu HAHAAHHA Quero ir ano que vem na dua Rio também, quem sabe né mesmo? Parece que a proporção do evento no Rio é maior, e acaba atraindo mais autores conhecidos. Um beijão, obrigada por compartilhar sua experiência aqui, adorei <3

      Excluir
  4. Que amor!
    Esse ano, eu tive MUITA vontade de algum dia poder na Bienal. Vários blogueiros e youtuber's que acompanho estavam lá, inclusive alguns com quem converso virtualmente, meus dois parceiros no LPL. Meu colega de faculdade estava lá, no lançamento do livro no qual ele é co-autor! Imagina minha vontade de ir! Mas não é tão simples... Moro em Goiás, não conheço ninguém de São Paulo que poderia me hospedar em casa, então uma viagem custaria muito caro, além de todo o gasto que eu teria no próprio evento. :/ Mas algum dia estarei lá, e vai ser como AUTORA! Eu acredito muito nisso <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que maravilhosa, tô torcendo por você Lethycia <3 E com o maior prazer eu vou atrás de você na Bienal para você me dar seu autógrafo❤

      Excluir
  5. Poxa, este ano não deu para eu ir na Bienal, mas através do post pude ver/ler como é que estava o evento. Eu amo bienais e principalmente livros. É uma pena os preços estarem altos... E eu queria muito ver a Bruna Vieira novamente e conhecer livros novos. Parabéns pelo post hihi, beijos
    http://www.ladystronger.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso foi uma pena mesmo, mas tudo estava tão maravilhoso que isso foi o de menos HAHAHAHA obrigada Flávia, um beijão ;)

      Excluir